Arquivo mensal: agosto 2012

Seu pior bem

Alguns tem dom de escrever

E com o entreter encantam

E os que cantam

Com sua canção fazem sonhar

Para o sonhador resta a vida

E para a vida os que nela acredita

Disto vive o que sabe falar

E com seu conto leva a pensar

O que sobra para um mero orador

Falar é o seu pior bem

E o calar a sua melhor dor

 

Paulo Frutuoso

Anúncios

A irracionalidade da razão: a doença da mente

Leonardo Boff

Não estamos longe da verdade se entendermos  a tragédia atual da humanidade como o fracasso de um tipo de razão predominante nos últimos quinhentos anos. Com o arsenal de recursos de que dispõe, não consegue dar conta das contradições, criadas por la mesma. Já analisamos nestas páginas como se operou a partir de então, a ruptura entre a razão objetiva (a lógica das coisas) e a razão subjetiva(os interesses do eu). Esta se sobrepôs àquela a ponto de se instaurar como a exclusiva força de organização histórico-social.

Esta razão subjetiva se entendeu como vontade de poder e poder como dominação sobre pessoas e coisas.  A centralidade agora é ocupada pelo poder do “eu”, exclusivo portador de razão e de projeto. Ele gestará o que lhe é conatural: o individualismo como reafirmação suprema do “eu”. Este ganhará corpo no capitalismo cujo motor é a acumulação privada e individual sem qualquer outra…

Ver o post original 603 mais palavras

Amar ou Amor

Amar é como conseguir água no deserto

É como vencer o obstáculo existente

Saber que o futuro será presente

Não ter controle nas atitudes alheias

Estar longe com sentimento de perto

 

O que é amar? O que é o amor?

Como definir algo além do pensamento

Ação e reação tão indefinidas

 

De um ato esperado e de momento

Ser ou estar é a vontade preferida

Esfriar nunca, estará sempre calor!

 

Verbete conhecido e ditado

Amar ficou banalizado

Pelos amantes tão enrolados

Que pelo amor se tornam enamorados

 

Verdadeiro ou falso? Qual o sabor?

Sentir, viver, estar amando ou amado

Quero saber o que significa para você

 

Paixão enraizada em nome profundo

Ou saudade do aroma do passado?

Sem resposta estou pelo sentimento que sou!

 

Te amo!

Paulo Frutuoso